Erros de avaliação de um imóvel – Como não ter Prejuízos?

Erros de avaliação de um imóvel – Como não ter Prejuízos?

É importante poder quantificar com precisão esse valor, pois a compra ou venda de uma propriedade tem consequências financeiras a longo prazo. Aqui estão os 8 erros de avaliação de um imóvel mais comuns e que levam a prejuízos:

1 – Falta de pesquisa:

Informações detalhadas do mercado, fatores críticos de valor e todos os detalhes formam a base da avaliação de uma propriedade. Use todos os canais disponíveis para obter uma visão geral da situação do mercado. 

Isso inclui, além da pesquisa automática no Google e o uso de portais online, discussões com vizinhos e amigos. Uma consulta de um corretor ou outro especialista (imobiliária, etc.) pode ser de grande ajuda. Aqueles que não obtêm muita informação, geralmente vão ao mercado com uma avaliação irreal e, portanto, perdem dinheiro. 

2 – Erros de comparação:

Cada propriedade é única, especialmente imóveis residenciais. Assim, alguns metros a mais ou a menos podem refletir no valor de mercado. Além disso, muitas vezes uma propriedade que às vezes por fora é parecida com a sua, por dentro é totalmente diferente. Portanto evite comparar seu imóvel aos de outros.

3 – Usar anúncios como base:

Lembre-se: os anúncios não estão sujeitos aos preços reais da propriedade. Estes podem ser baseados em estimativas incorretas ou falta de pesquisa. Mas se você estiver bem informado e observar muitas propriedades com tamanho e localização semelhantes a sua, geralmente obterá uma boa referência de preço.

4 – Falta de ajuda profissional:

O mercado imobiliário é um negócio complexo que exige muito dinheiro. Para leigos, é aconselhável procurar ajuda profissional. Até profissionais do setor imobiliário usam a experiência de outros corretores e especialistas. Os preços dos imóveis flutuam constantemente e todos os fatores a serem estudados são difíceis de prever. 

Uma primeira consulta nem precisa ser cara. No entanto, a prática mostra que, mesmo que ocorram custos, o esforço geralmente compensa.

5 – Erro ao escolher um corretor/avaliador:

A escolha do corretor ou avaliador também deve ser feita com muito cuidado. Um corretor deve estar conectado localmente, na melhor das hipóteses, residir na região do seu imóvel e ter experiência em vendas na área. Os corretores de renome oferecem aconselhamento, dedicam mais tempo aos seus clientes, estabelecem uma estrutura de custos transparente e trabalham independentemente de bancos e empresas. 

Nunca fique na primeira avaliação, busque sempre uma segunda opinião. Não há nada errado se você visitar vários corretores e pedir uma avaliação. Geralmente, eles também têm muita experiência em projetos imobiliários e, possivelmente, uma visão mais factual da situação. 

6 – Método de avaliação incorreto:

Na maioria dos casos, o método de comparação fornece um valor realista de uma propriedade. Em alguns casos, outros métodos podem ser mais úteis. Assim, evite basear o valor de seu imóvel apenas por palpites de terceiros ou pela vendas de outros imóveis parecidos ao seu. Deve-se lembrar que um corretor age de acordo com as instruções do cliente, mas também persegue seus próprios interesses.

7 – O fator emocional:

Os proprietários muitas vezes colocam muito esforço, trabalho e amor em sua casa ou apartamento. Como resultado, eles geralmente superestimam os detalhes que têm pouco ou nenhum significado para potenciais compradores, o que na maioria das vezes incorrem em erros de avaliação de um imóvel. Durante as negociações, é extremamente importante a ajuda profissional de alguém de fora, que não tenha tanto vínculo com a propriedade. 

8 – Preço de compra + custos de reparos = valor de mercado:

8 Erros de avaliação de um imóvel - Preço de marcado

O mercado imobiliário está em constante evolução. O valor de uma propriedade pode ser muito diferente hoje do que era há 15 anos, tanto no sentido positivo quanto no negativo. Além disso, um preço já pago pode não ser justo no mercado ou pode ter sido influenciado por fatores externos. 

O valor real de uma propriedade é, em qualquer caso, apenas um valor teórico, que pode ser, na melhor das hipóteses, um índice. O preço de realização pode ser muito maior ou menor. Portanto, faça uma avaliação criteriosa de todos os itens e cômodos que necessitam de uma boa reforma, somente após isso é possível ter uma base do real valor de mercado.

Erros de avaliação de um imóvel – Conclusão…

Os erros de avaliação de um imóvel podem ser comuns especialmente se você não tem tanta experiência no setor imobiliário, diante disso, busque sempre ajuda de um profissional e peça sempre uma segunda avaliação antes de precificar a sua propriedade.

Deixe seu e-mail e receba conteúdos antes de todo mundo =>>>

Deixe seu e-mail e receba conteúdos antes de todo mundo =>>>

Posts relacionados

Porque Alguns Imóveis Não Aceitam Financiamento

Porque Alguns Imóveis Não Aceitam Financiamento?

Porque alguns imóveis não aceitam financiamento? Vamos mostrar aqui, uma pequena relação de imóveis que não podem ser financiados. O mercado imobiliário é muito complexo,